Forever Young

Viver para sempre ? Impossível. Viver bem ? Depende só de nós...

Junho/julho de 2008: Inferno astral

Lá estava eu, trabalhando de novo... achando que poderia me distrair da briga com o Juan e não pensar nisso. Mas a antiga gerente da loja que eu trabalhei me odiava ( na verdade era recíproco ). Ela fez de tudo pra envenenar a cabeça do meu gerente atual para que me demitisse. Ele até quis me dar um " voto de confiança " : disse que se eu realmente não fiz nada a ela, que fosse lá me entender com ela.
Achei o cúmulo e preferi me demitir.

Voltei pra casa, imaginando como seria... o clima continuava pesado com meus pais, ainda mais eu estando desempregado. A situação com o Juan continuou paralisada, não sabíamos o que iria acontecer: ele tava em uma fase de insegurança, sempre achou que se a Ana ou a Angela estalassem os dedos eu largaria ele.

Sinceramente nunca me passou pela cabeça isso. Ele não enxergava que se eu realmente quisesse algo com a Ana, por exemplo, não contaria que tava namorando um garoto, muito menos levaria pro apê dela... seria uma tática muito estranha de conquista!
Isso somado ao fato de eu ter cogitado morar no apê da Ana, quando as coisas esquentaram. Ele jogou na minha cara que isso sempre foi o meu sonho e blá-blá-blá...

No dia seguinte à minha demissão, parecia que tava tudo desmoronando na minha cabeça. Sou muito ligado à lembranças. Fui caminhar na praia e parei exatamente onde fiquei abraçado com ele uma vez.
Aquela depressão bateu de uma forma... que não dava pra descrever. Várias perguntas na minha mente: Se valeu a pena ter me arriscado por ele, se ele realmente me amava...
A vontade que eu tava era de me jogar no mar, mas sou tão medroso e tenho tanto receio, especialmente com o mar, que fiquei só na vontade. Nessas horas é horrível ser careta, não fumar, nem beber... rsrsrs

Liguei pra ele, no desespero, mas na ânsia de chamar a atenção. Ele tava frio, achando que eu tava fingindo. Mas na verdade fiquei sabendo pela mãe dele que as coisas lá estavam críticas, que o padrasto saiu de casa, bêbado ( e possivelmente usando drogas ) e ameaçou matar todo mundo, inclusive o Juan e a irmã dele, de 3 anos. Ali foi um baque pra mim. Me senti bem infantil, chorando no telefone com a mãe dele e ela me ouvindo, com um problema bem maior, dizendo que eu não tava sozinho, que podia contar com ela...
 
 


8 pitacos nesse post.:

Muitas vezes, o problema é bem maior do que pensamos... e nem sempre tem a ver conosco...

Namorar é complicado. Depende de infinitos fatores...

 

Sábias palavras... mas tenho dificuldade na pratica, de lidar com crises, cara...
Abcs!!

 

Parece estar tudo complicado por ai mas a vida é para ser encarada de frente. Os problemas também ou não saberemos o que farão pelas costas!

Bem, quanto ao Juan, infelizmente esse tipo de coisas acontece mais vezes do que parece e quanto a você tudo vai ao lugar. Um novo emprego vai vir e quem sabe (espero eu) o Juan vai voltar a aquecer o seu coração naquele lugar, naquela praia.

Um grande abraço,
não se esqueça: desistir, nunca!

 

@Paulo: Fica tranquilo... essa realidade é de 2008, muitas coisas acontecerão até que eu chegue à realidade atual! Abcs!

 

@ Há fases na vida que tudo da errado, que tudo conspira contra...
Embora sempre colhemos algo em fases dificeis...
Abraços

 

@Ro : Ô se tem, cara... abcs!

 

Pois é , essas pedras da vida viu... é fogo =/ mas o jeito é batalhar e fazer o possivel pra seguir em fente .Entendo a questão da forte lembrança ( me declarei pra um amigo e as coisas ficaram complicadas , hj ainda volto nos lugares emq ue tivemos bons momentos) e quanto a parte "Nessas horas é horrível ser careta, não fumar, nem beber... rsrsrs" , não é horrivel não ,prezamos pela nossa integridade física ,só isso , vicios nunca ajudam =/

 

@Knn: Só que às vezes é difícil ser forte né... abcs!!

 

Postar um comentário

Comentem sempre, sem moderação. Mas respeite meu ponto de vista, que respeitarei o seu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Denuncie a homofobia !

Contato

Sugestões, elogios ou críticas: me adicionem no MSN: raphael_martins_fy25@hotmail.com

O mesmo vale para o Facebook:

http://www.facebook.com/raphael.martins.399

Ou Skype :

raphaelmartinsfy

Só avisem que são leitores do blog ao adicionar, ok?

Abraço a todos.

Comentários... colaborem em seus blogs...

Adoro comentar no blog de vocês e que comentem no meu , pois cria uma interação maior entre os leitores. Quem não é de comentar, ao menos clique na caixinha se gostou ou não da postagem.

IMPORTANTE: POR FAVOR, NÃO DIFICULTEM OS COMENTÁRIOS NO BLOG DE VOCÊS...

Alguns blogs ainda tem aquelas letrinhas de confirmação pra quem quer comentar. Isso estressa e desestimula quem gosta de comentar, muitos desistem.
Peço encarecidamente que façam o teste: tentem comentar em seu próprio blog. Se aparecerem as benditas letrinhas vá em Painel ; Detalhes ; Comentários ; Exibir uma confirmação de palavras para os comentários? Não !!

Obrigado !!
Raphael Martins. Tecnologia do Blogger.