Forever Young

Viver para sempre ? Impossível. Viver bem ? Depende só de nós...

Um Banho de Proteína: É o que você ganha ao tomar leite, alimento que garante músculos fortes, cálcio e muita saúde. Está esperando o que para cair de boca?

O LEITE É O PRIMEIRO ALIMENTO QUE VOCÊ PÕE NA BOCA na vida. E fica “dependente” dele por uns bons meses, garantindo seu desenvolvimento. Só por ai já da para sentir que se trata de uma das principais fontes de nutrientes para o ser humano. Você cresce, varia o cardápio, ingere vitaminas e minerais de outras formas, mas o leite não deveria deixar sua dieta. Rico em proteína e cálcio, ele ajuda você a reforçar seus músculos, queimar gordura corporal e manter sua saúde. “A oferta protéica e enorme: 36 g para cada 150 ml, o que e importante para a formação e recuperação muscular”, diz Jaqueline Bernardini, nutricionista e fisiologista do exercício pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Principal constituinte de ossos e dentes, o cálcio também aparece em abundancia no leite. Segundo o Ministério da Saúde, 3 copos do tipo desnatado (600 ml) dão conta das necessidades diárias de um adulto, contribuindo para a manutenção da massa óssea e para o processo de contração muscular. Com proteína e cálcio na mesma bebida você ainda garante alto rendimento em suas séries de musculação. Tudo o que você precisa para esbanjar saúde!

Enxugue a circunferência

Beber leite ajuda a queimar gordura. Em uma pesquisa realizada na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), 50 pacientes obesos foram divididos em dois grupos: um seguiu dieta com a dose recomendada de cálcio (1 200 mg) e o outro com uma quantidade inferior. No grupo em que a ingestão foi maior, houve perda de cerca de 3 cm de gordura abdominal a mais do que a do grupo que consumiu o mineral de forma insuficiente. “Indivíduos que ingerem cálcio proveniente do leite e de seus derivados perdem 69% a mais de gordura corporal e 22% mais peso, se comparados aqueles que não consomem”, diz o endocrinologista Tiago Volpi, diretor da clínica Espaço Volpi, em São Paulo. Uma das razões é que o maior consumo do mineral inibe a liberação de calcitrol, hormônio que estimula o armazenamento de gordura. Uma dieta rica em laticínios também afeta o modo como as células adiposas trabalham. “Elas recebem uma mensagem para deixar de armazenar gordura e começar a queimá-la”, completa o medico. Fonte de aminoácidos essenciais, a proteína do soro do leite auxilia a recuperação muscular
Coma o leite!
Se você não da conta de beber os 3 copos de leite recomendados por dia, aposte em seus derivados, como queijo, iogurte e coalhada. “Um pote de iogurte mais duas fatias de queijo magro já somam as propriedades de 1 copo de leite em fluido”, compara Erika Suiter, nutricionista clínica do Hospital Sírio-Libanês, de São Paulo. Segundo análises laboratoriais do Ministério da Saúde, o leite esterilizado, depois de transformado em laticínio, não perde seu valor nutricional, diferentemente dos pasteurizados, que são aquecidos a temperaturas que vão de 130 a 140 graus.
Praticamente um isotônico
Sabia que o leite fornece grande quantidade de aminoácidos e eletrólitos, nutrientes perdidos naturalmente com a transpiração? “Por isso ele pode fazer papel de repositor de líquido após atividades físicas”, diz o médico Tiago Volpi. Mas nada de misturar com café. “Rico em substâncias bioativas, ou seja, que agem como estimulantes para o organismo, como a cafeína, o café interfere negativamente na absorção do cálcio presente no leite”, diz a nutricionista Jaqueline Bernardini. Portanto, de preferência a bebida sem acompanhamentos.
O papel do whey protein
Proteína extraída do soro do leite, separada no processo de transformação do leite em queijo, o whey protein carrega importantes qualidades nutricionais. “Atletas que ingerem esse composto garantem todos os Aminoácidos necessários a síntese proteica, principalmente tripofano, cisteína e leucina”, diz a nutricionista Jaqueline. Esses componentes trabalham para a recuperação muscular, desintoxicação de radicais livres e aumento da imunidade.
Mundo leiteiro
São vários os tipos de leite existentes no mercado que podem contribuir com a qualidade da sua alimentação e da sua saúde. Conheça opções que estão a seu alcance e reforce sua dose de proteína.
Leite de vaca: encontrado nas versões integral, semidesnatado e desnatado. A diferença entre eles é a porcentagem de gordura. “No integral é de 3%, no semi fica entre 1,5% e 1,8%, e no desnatado 0,3%”, diz a nutricionista Jaqueline Bernardini.
Leite de cabra: suas células de gordura são menores, o que resulta em redução de 30% no colesterol se comparado com o de vaca. E, graças a composição diferente de sua proteína, e boa alternativa para quem possui intolerância ao leite de outras espécies, como o de vaca, o de ovelha e o de búfala. Também possui 20% a mais de cálcio, sendo muito utilizado na ação preventiva e curativa de osteoporose.
Leite de ovelha: de acordo com uma pesquisa alemã, esse tipo e repleto de ácido linoleico conjugado, uma gordura que ajuda a reduzir o índice do mau colesterol (LDL) e prevenir o câncer. Pouco difundido no Brasil, o consumo desse laticínio está mais concentrado na Europa e em países próximos do Mar Mediterrâneo.
Leite de búfala: apresenta variações consideráveis nos teores de proteína, gordura e lactose em relação ao leite de vaca, o que afeta suas características de corpo, sabor e textura. Por possuir alto teor de gordura, o leite não e muito consumido – o foco de sua produção no Brasil e a mussarela e a ricota.
Leite de soja: por ser de origem vegetal, a bebida e altamente digestiva e isenta de lactose. “Sem colesterol, esse leite contem apenas ⅓ da gordura do leite de vaca, sendo a maioria não saturada”, diz a nutricionista funcional Daniela Jobst, membro do Instituto de Medicina Funcional dos Estados Unidos. Graças a ausência de lactose (açúcar natural do leite animal), é recomendado para quem sofre de intolerância a substância. É também uma alternativa para quem eliminou a proteína de origem animal do cardápio, pois sua fonte se equipara a de um bife de 100 g de file-mignon (36 g).
Decifrando rótulos
AS INFORMAÇÕES QUE APARECEM NA EMBALAGEM DE SEU LEITE PODEM FAZER A DIFERENÇA NA HORA DA ESCOLHA
Enriquecidos: são preparados lácteos com adição de algum valor nutritivo, como vitaminas, cálcio, fósforo ou Omega-3.

Saborizado: adoçado com açúcar ou aspartame, pode ser encontrado em caixinhas nos sabores chocolate, baunilha, morango ou frutas vermelhas.

Em pó: com toda a água extraída, o alimento se apresenta na cor creme e mantém todos os nutrientes do produto in natura.

Condensado, concentrado ou evaporado: retira-se metade da água do leite para dai produzir o creme de leite e o leite condensado. Sua forma e espessa e o sabor adocicado. Recomendado para uso culinário.

Fonte: Men's Health

P.S: Dessa vez não era sacanagem... é leite de verdade!! rsrsrs

7 pitacos nesse post.:

Adorei a aula sobre leite! Já que sou uma consumidora voraz de leite e seus derivados... rs

Obrigada pela visita!

Beijocas

 

Eu sou um BEZERRÃO em todos os sentidos ... rs

 

Olá Rafael, meu nome é paulo , e parabens achei o seu blog, super relevante.
Os assuntos aqui abordados são extremamente vitais para nós seres mal informados.
Por isto estarei te seguindo, bebendo da tua fonte, e me tornando menos ignorante.
Rafael, me responda, me falaram que quando adulto , o leite se torna um veneno.
Pois dizem que existe uma quantidade certa para toma -lo , passando se esta quantidade ela se torna um veneno para um adulto.
Isto é mito ou realidade?
Outro assunto que achei muito interessante, é sobre o sexo anal.
E vou fazer uma outra pergunta a este respeito.
É verdade que todo hetero sente vontade , eles falam que tem curiosidade, mas é vontade mesmo de experimentar o sexo anal?
Ah, e o fato desta necessidade não qeer dizer que ele seja gay,?
O qu é mito e o que é verdade!?
Parabens cara o teu espaço é muito Kbeça!
adorei!!!!!

 

Ótimo se você não for intolerante como eu. Um copo de leite puro pode me deixar semanas passando mal (e eu tomei leite de vaca até os 30 anos sem saber que tinha problema com isso). Hoje me acostumei tanto com leite de soja que o gosto de leite de vaca parece horrível para mim.

 

@Dino: Já li que o leite de soja contém hormônio feminino, não sei se é verdade. É bom pesquisar antes de exagerar nele. Abcs!!

 

@Paulo: Seja bem vindo, primeiramente. Não posso responder por todos os homens, mas um hetero pode sentir vontade de experimentar sexo anal e não necessariamente se sentir atraído por outro homem. É complexo... talvez pela pressão da sociedade hipócrita, que acha que o homem tem que ser o touro macho reprodutor, grunhindo e etc...

Sobre o leite não há nenhuma contra indicação, ao menos que a pessoa tenha problema com lactose.
Abcs!!

 

@Paulo Braccini: O duplo sentido mandou lembrança!! kkk
Abcs!!

 

Postar um comentário

Comentem sempre, sem moderação. Mas respeite meu ponto de vista, que respeitarei o seu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Denuncie a homofobia !

Contato

Sugestões, elogios ou críticas: me adicionem no MSN: raphael_martins_fy25@hotmail.com

O mesmo vale para o Facebook:

http://www.facebook.com/raphael.martins.399

Ou Skype :

raphaelmartinsfy

Só avisem que são leitores do blog ao adicionar, ok?

Abraço a todos.

Comentários... colaborem em seus blogs...

Adoro comentar no blog de vocês e que comentem no meu , pois cria uma interação maior entre os leitores. Quem não é de comentar, ao menos clique na caixinha se gostou ou não da postagem.

IMPORTANTE: POR FAVOR, NÃO DIFICULTEM OS COMENTÁRIOS NO BLOG DE VOCÊS...

Alguns blogs ainda tem aquelas letrinhas de confirmação pra quem quer comentar. Isso estressa e desestimula quem gosta de comentar, muitos desistem.
Peço encarecidamente que façam o teste: tentem comentar em seu próprio blog. Se aparecerem as benditas letrinhas vá em Painel ; Detalhes ; Comentários ; Exibir uma confirmação de palavras para os comentários? Não !!

Obrigado !!
Raphael Martins. Tecnologia do Blogger.